19 de abr de 2011

Aldo da Cunha Rebouças



Aldo da Cunha Rebouças nasceu em Peixe Gordo, Ceará, no dia 5 de agosto de 1937. Sua família, além de João da Cunha Rebouças e Maria do Carmo Rebouças, seus pais, era composta de 16 irmãos. Seu pai, um autodidata sempre compreendeu a importância da educação e, por isso, instalou dentro de sua casa uma escola para os filhos.

Aldo estudou em casa com seus irmãos e, ainda adolescente, foi para estudar o Colégio Marista, onde aprendeu falar fluentemente francês. Formou-se em Geologia na Universidade Federal de Pernambuco.

Seu mestrado e doutorado foram cursados na Universitè du Strasbourg, França. Após defender a tese “O Problema da Água no Nordeste do Brasil”, em 1973, retornou ao Brasil para trabalhar na Universidade de São Paulo.


Nesta entrevista, gravada nos dias 20 e 23 de abril de 2007, Aldo Rebouças conta-nos um pouco dessa interessante trajetória sob o olhar de um especialista nas questões relacionadas à água.

Com dificuldades de fala, causados pela Mal de Parkinson, ele narra sua infância em Peixe Gordo (CE) e apresenta um rico painel da estrutura familiar cearense, em meados do século XX.

Na segunda parte da entrevista faz interessantes reflexões sobre a estrutura geológica do território brasileiro, bem como as características do uso da água.

Nenhum comentário:

Postar um comentário